A contratação pública sem licitação

Contratação direta

Os processos de dispensa e inexigibilidade, nos termos da Lei nº 8.666/1993 e da Lei nº 13.303/2016, sempre geram dúvidas quanto ao adequado enquadramento da hipótese legal e à instrução processual adequada e segura. O tema desperta especial atenção em razão da fiscalização exercida pelos tribunais de contas nessas contratações. Os agentes responsáveis pelas dispensas e inexigibilidades na Administração direta e indireta, inclusive das estatais, devem conhecer e dominar os entendimentos para alinhar ações e evitar apontamentos e responsabilizações. Confira estes materiais que separamos relacionados com o tema: Caso real apresentado a Orientação Zênite e vivido pela administração pública sobre o tema! Reflexões sobre os novos limites para as modalidades e para a dispensa de licitação Veja os vídeos sobre o Seminário que realizaremos sobre o tema: https://www.youtube.com/embed/owNQaHbjq0Y Conheça o Seminário que tratará dessa temática aqui!

Continua depois da publicidade
Seja o primeiro a comentar
Utilize sua conta no Facebook ou Google para comentar Google

Assine nossa newsletter e junte-se aos nossos mais de 100 mil leitores

Clique aqui para assinar gratuitamente

Ao informar seus dados, você concorda com nossa política de privacidade

Você também pode gostar

Continua depois da publicidade

Doutrina

A LINDB esvaziada

Não é novidade que o aparato de controle e de repressão da Administração Pública nunca se animou com as alterações promovidas na LINDB pela Lei n. 13.655/2018. Tanto é verdade...

Colunas & Autores

Conheça todos os autores